Flor Bico-de-Papagaio

Bico-de-Papagaio

É uma planta bastante utilizada com o objetivo de decorar jardins, casas, escritórios e também no período natalino. Conhecida também por poinsétia, cardeal, flor-do-natal ou estrela-do-natal, e com o nome científico de Euphorbia pulcherrima tem origem mexicana. Sua produção acontece nos meses de junho, julho e agosto, pois são meses de temperaturas mais baixas.

Características

Essa é uma planta rústica e fácil de ser plantada, exige poucos cuidados e cresce muito rápido. Suas cores possuem um contraste entre vermelho e verde, o que chama atenção de todos. Pode chegar até três metros de altura, mas também pode ser plantada em vasos. No Brasil é cultivada nas regiões do interior de São Paulo e sul de Minas Gerais.

Produção de mudas

Para a produção das mudas, é necessário um solo bem adubado e em um local que tenha iluminação do sol. Para que ela brote é preciso separar hastes de vinte a 30 centímetros e enterrá-las. Ao regar as mudas é indicado não jogar a água diretamente na planta, mas sim colocar embaixo do vaso um recipiente com água até a planta absorver por completo.

Bico-de-Papagaio

Cuidados ao cultivar

A flor bico-de-papagaio pode ser cultiva em jardins ou dentro de casa e necessita de clima ameno. Se for cultivada no interior da casa é preciso tomar alguns cuidados com a luz ambiente, umidade, temperatura e a necessidade de ser regada. Caso seja plantada em jardins não é preciso toda essa atenção para que ela se desenvolva adequadamente. Com um ano de cultivo a flor já pode atingir dois metros de altura.

Pragas e doenças

Essa variedade de flor pode sofrer ataque de ferrugem ou de fungos.

Limpeza

A limpeza deve ser feita com frequência, retirando flores e folhas que estiverem secas ou alguma que estiver doente com o auxílio de uma tesoura.

Artigos Relacionados

Comente!

CommentLuv badge