Arranjos de Flores – Saiba Como Cuidar

flores-arranjos1Uma boa forma de decorar interiores é fazer arranjos de flores que podem ser confeccionados com flores naturais ou artificiais; flores cortadas ou flores plantadas. O que trará uma enorme variedade de formas, cores e perfumes para dentro da sua casa ou do seu escritório e levará um pouco da natureza para a sua vida.

Mas, como em toda atividade, a confecção de arranjos de flores para a decoração de interiores requer algumas dicas para os “não profissionais” de forma a permitir que você possa desfrutar ao máximo de suas criações e dar asas a sua criatividade e ao seu bom gosto.

Se você não entende muito de flores, faça uma pesquisa nas lojas especializadas e obtenha informações quanto às flores que mais se adaptam a elaboração dos arranjos, as cores mais harmoniosas, as flores de maior durabilidade e, no caso de arranjos com flores plantadas e vivas; uma forma de fazer com que as plantas não sofram com o estresse e com a pouca luz do interior dos ambientes em que serão colocadas.

No caso do uso de flores cortadas, basta que você tenha o cuidado de trocar os arranjos de flores logo que elas começarem a murchar (normalmente uma vez por semana se os dias não forem muito quentes). Tenha sempre o cuidado de usar recipientes muito bem limpos (de preferência esterilizadas), usar sempre água filtrada e sem cloro, cortar os pés dos caules das flores sempre no sentido oblíquo e com uma faca devidamente desinfetada, bem afiada e limpa (isso evitará contaminações por vírus, fungos e bactérias nos locais dos cortes), jamais deixe a parte dos arranjos de flores que ficarão em contato com a água dos recipientes possuir folhas ou qualquer outra coisa que não seja simplesmente o caule das flores (isso evitará que a água apodreça essas partes e contamine a flor) e se o local onde elas ficarem possuir uma temperatura elevada, deixe-as se aclimatarem antes numa área mais fresca e não as leve direto para lá.

arranjo-de-floresSe os arranjos de flores serão compostos por flores plantadas em vasos ou em recipientes, os cuidados a serem dispensados para que a sua decoração de interiores seja um sucesso e tenha a longevidade garantida são ainda maiores: leve em consideração a iluminação que as flores escolhidas necessitam para sobreviver; se usar flores que precisam de muito sol e não seja possível ter uma janela nas proximidades dos arranjos, pesquisa nas casas especializadas por lâmpadas próprias para a criação de plantas em interiores. Elas garantirão a saúde e toda a energia luminosa necessária para suas flores continuarem vivas e lindas por muito mais tempo; a terra usada nos arranjos de flores deve ser bem umedecida na confecção dos arranjos e depois disso mantida apenas levemente umidificada no decorrer da vida da planta; se você usar vasos de barro saiba que eles necessitarão do dobro de água (o barro absorve uma enorme quantidade de água do substrato – o solo -) e sempre após as regas, depois de umas duas horas, verifique se há depósitos de água em excesso no fundo dos vasos. Se houver, drene-os completamente para evitar o apodrecimento das raízes e a morte das plantas.

O uso dos arranjos de flores na decoração de interiores é uma verdadeira arte que envolve criatividade, sensibilidade e trato com a natureza. Sejam feitos por você mesma ou comprados de algum profissional, os arranjos de flores trazem para a decoração de interiores um pedacinho da natureza e um pouco da beleza e da majestade que está tão longe dos habitantes das grandes cidades.

Artigos Relacionados

Comente!

CommentLuv badge